Mídias Sociais

Porque Rosa Parks, símbolo dos Direitos Civis, seria uma Jedi das Mídias Sociais se nascesse hoje


No livro o Poder do Hábito tem um trecho muito bacana sobre a vida de Rosa Parks. Ela foi uma pessoa chave no movimento dos Direitos Civis nos EUA. Tudo começou quando ela se recusou a dar lugar para um pessoa branca no ônibus em Montgomery, Alabama (EUA). Na época era lei, caso faltasse assento para os brancos os negros tinham que ceder seus lugares. Impressionante imaginar isso mas era assim.

Rosa Parks

A Rosa Parks não cedeu o lugar, o pessoal chamou a polícia e ela foi presa. Um dos amigos dela ajudou a pagar a fiança e ao sair da cadeia eles se reuniram na casa do (mito) pastor Martin Luther King para organizar um movimento pacífico. O resultado dessa reunião foi a mobilização de todos os interessados na causa em não usar os ônibus da cidade enquanto essa lei (sem noção) existisse. Esse movimento durou anos, cresceu e um dos marcos dessa luta foi o discurso “I have a dream”.

Ok, Rosa Parks foi o estopim desse movimento, mas a pergunta é, por que ela? Por que Rosa Parks foi o estopim disso tudo? Muitos negros já tinham se recusado a ceder o lugar nos ônibus, alguns inclusives foram mortos por conta disso, mas nada aconteceu. Por que na vez da Rosa Parks a população se mobilizou? Por causa da sua rede de contatos.

Rosa Parks era uma trabalhadora comum, costureira e levava uma vida simples. Dois fatores a diferenciava dos negros que passaram pela mesma situação:

  • Fazia parte de vários grupos – Grupos das costureiras, grupo da igreja, atendia clientes para costura em todas as classes sociais, era uma pessoa ativa nos grupos que fazia parte, ativa socialmente.
  • Era uma pessoa do bem e espalhava generosidade – Todas as pessoas que a conheciam relatavam que estava sempre disposta a ajudar, com um coração muito grande era sempre bondosa com as pessoas.

Se em 01 de dezembro de 1955, Rosa Parks, conseguiu mobilizar 40 mil pessoas durante 381 dias a ir trabalhar a pé até que se mudasse essa lei, imagine o que essa mulher faria em tempos de mídias sociais.

Quer ser Jedi das Mídias Sociais? Participe de grupos de discussão, ajude pessoas, vá em eventos, troque cartões, mande presentes, mande flores, seja simpático e faça caridade, essas dicas não são minhas, são da vida de Rosa Parks.

Tuíte do Presidente Barack Obama sobre Rosa Parks


Consultor e Palestrante de Automação de Marketing, Digibrother, Fundador da comunidade Mautic Brasil, Partner Allyde, Certificado Google, Partner no GrupoBBI. Estudou Design na FURB em Blumenau e se Formou em Análise de Sistema, 14 anos de experiência no mercado de internet, passou pelos departamentos de design, desenvolvimento, marketing (SEO e PPC) e gerência de projeto. Trabalhou nas empresas B2W, Visie e Associação Comercial de São Paulo. Co-fundador do Facíleme, aplicativo de f-commerce premiado e com 20 mil lojas virtuais. Artigos publicados em Marketing Automation, Data Driven, Social Media, e-commerce, Empreendedorismo e Tendências.

View Comments
There are currently no comments.

mautic is open source marketing automation